Recordar pelos gestos

na escolaA filha cresce, desenvolve-se… quer saber isto e aquilo… Temos de a acompanhar e ensiná-la… Algumas semanas atrás dei por mim a corrigir a dança hesitante dos seus dedos nas cordas de uma viola. Revivi esse meu eu passado, quase esquecido, habitante de um adolescente que queria – enevoadamente – ser músico.

Anúncios