Variações sobre O Carteirista de Henri Bresson

Via o mundo por pequenos detalhes. Uma mão prestes a voar. A gabardine semi-aberta. A carteira da senhora a convidar ao assalto. Conhecia a cidade por debaixo da terra: as linhas de metro, os percursos diferentes. Gestos furtivos para enganar desconhecidos.

Depois as colheitas duvidosas: carteiras vazias, maços de notas, relógios usados e gastos pelo uso.

O esconderijo no quarto esconso como única companhia. Um grito secreto contra o mundo.

Só através do amor conseguiste ver o mundo na sua inteireza.

(imagem do filme, obtida aqui)

Anúncios